Linguagem Oral e Escrita

A comunicação se inicia desde os primeiros meses, por exemplo, chorando em tentativas de estabelecer uma comunicação com a mãe. Em seguida pronunciam as primeiras palavras que serão progressivamente articuladas onde verbos, artigos e adjetivos interligam-se significativamente.

Esse processo de construção da língua que se fala é fruto das inter-relações que vão ocorrendo entre a maneira de pensar da criança em cada momento e as informações que ela recebe do mundo externo. A aprendizagem da língua falada não depende do ensino formal.

No processo de aquisição da língua escrita implica uma compreensão do que é, para que serve como funciona a articulação entre letras, sílabas palavras e frases que compõe uma rede infindável de significados.

A alfabetização é de fundamental importância para as pessoas, num mundo letrado como é o nosso, sendo uma grande conquista cognitiva na trajetória cultural de um indivíduo.

Promovemos experiências significativas de aprendizagem da língua, por meio de um trabalho com a linguagem oral e escrita, constituindo-se um dos espaços de ampliação das capacidades de comunicação e expressão e de acesso ao mundo letrado. Desenvolvemos gradativamente as quatro competências linguísticas básicas: falar, escutar, ler e escrever, diariamente partindo do interesse das crianças.